ATD Sistemas

COMISSÃO DOS DIREITOS HUMANOS DA (OAB) DE ALAGOAS PEDIU ESCLARECIMENTO AO ESTADO APÓS A CIRCULAÇÃO DE IMAGENS DOS MORTOS NA AÇÃO DO DIA (8) ONDE 11 MORRERAM. PARA OS DIREITOS HUMANOS, HOUVE "DESPREZO À VIDA HUMANA"...

Compartilhar:
Em Alagoas, a  Delegacia Geral da Polícia Civil vai apurar o modo em que aconteceu a Operação "Cavalo de Troia" na Zona Rural de Santana do Ipanema,  que  terminou com a morte de 11 Homens que segundo a Polícia faziam parte  de uma Quadrilha que assaltava Bancos no Nordeste e usava explosivos.

Uma Comissão foi nomeada para apurar os fatos após a circulação de fotos dos Homens mortos nas Redes Sociais.

Segundo a Comissão dos Direitos Humanos da (OAB), houve desprezo À vida Humana.

Os Direitos Humanos pedem esclarecimentos ao Estado.

A Comissão terá os delegados, Eduardo Mero, Coordenador do (DHPP), Bruno Emílio Macedo Teixeira, integrante da (DHPP) e Hugo Leonardo Oliveira de Vasconcelos, ele é titular da Delegacia regional de Santana do Ipanema, Alagoas.

A nomeação será publicada no Diário Oficial do Estado na Segunda (12) de Novembro.

A Operação foi deflagrada pela (DEIC) e foi comandada pelos Delegados Fábio Costa, Cayo Rodrigues e Thiago Prado.

Mais de 20 Policiais estiveram durante a ação no dia (8) de Novembro.

Houve confronto, 11 Suspeitos mortos e nenhum Policial ferido, felizmente, muitas armas apreendidas, dinheiro, munição e explosivos.




Desenvolvido por: Jonas Fahelysson