Designer Gráfico - Jonas Fahelysson

Em 24 horas, chove quase 30 vezes mais do que o esperado para o mês em Sanharó

Compartilhar:

Esperado para novembro era 10.6 mm de chuva, mas foram registrados 288.80 mm na segunda (2), diz Apac. Famílias ficaram desabrigadas; número está sendo contabilizado pela prefeitura.

Em 24 horas, choveu quase 30 vezes mais do que o esperado para o mês em Sanharó, no Agreste. De acordo com a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), na segunda-feira (2) foram registrados 288.80 mm de chuva - o esperado era 10.6 mm.

Vários pontos de alagamento foram registrados nas ruas da cidade, principalmente no bairro do Salgado, e famílias ficaram desabrigadas. A prefeitura decretou estado de emergência e ainda está contabilizando quantas pessoas precisaram de abrigo.

"Uma equipe, formada por integrantes de várias secretarias, está coordenando o apoio às famílias que tiveram suas casas invadidas pelas águas. Os desabrigados foram acolhidos no Ginásio Poliesportivo Iraldemir Aquino de Freitas, o Iralzão, e na Escola Amaro Soares", conforme informou a gestão municipal.

Os desabrigados estão precisando de doações, como comida, água, roupas, colchões e lençóis. Os materiais estão sendo recebidos no Iralzão e na Escola Amaro Soares. O prefeito de Sanharó, Heraldo Oliveira, se solidarizou com as famílias. "Estamos tomando todas as providências junto ao governo do estado e ao governo federal", disse.

VIA - O POVO COM A NOTÍCIA


Desenvolvido por: Jonas Fahelysson