ATD Sistemas

Usinas de cana-de-açúcar devem investir R$ 70 bi em uma década

Compartilhar:
A meta do Brasil de reduzir em 11% os gases poluentes e a abertura do mercado chinês para o etanol brasileiro estão estimulando investimentos no setor

A nova Política Nacional de Biocombustíveis (Renovabio) vai entrar em vigor no próximo ano com a meta de reduzir em 11% a emissão de gases poluentes até 2029. O compromisso assumido pelo governo brasileiro deve dar um novo fôlego à produção de etanol no Brasil. Segundo estimativas da União da Indústria de Cana-de-açúcar (UNICA), a produção deve passar de 48 bilhões de litros e os investimentos chegar a R$ 70 bilhões em uma década.

Outro fator que tem motivado os produtores de cana-de-açúcar é a possibilidade de exportar etanol para a China, que vai passar a acrescentar 10% do biocombustível à gasolina. Segundo o Secretário de Agricultura do estado de São Paulo, Gustavo Dinz Junqueira, a demanda da China será de 15 bilhões de litros, metade da produção brasileira.

Os assuntos foram tratados nesta terça-feira (20), durante a abertura da Fenasucro (27º Feira Internacional de Bioenergia), que acontece em Sertãozinho-SP até a próxima sexta-feira.

Fonte: Canal Rural

Desenvolvido por: Jonas Fahelysson