ATD Sistemas

Itanhaém em São Paulo

Compartilhar:
Uma paciente de nome Renata Santos e 40 esperou oito horas na UPA e na sua vez de ser atendida depois da troca de plantão, a funcionária se recusou a fazer a ficha e ainda deu dedo .

"Acompanhe abaixo o relato de Renata no seu perfil no facebook"
Amigos eu peço que todos compartilhem para esta senhora seja punida, me ajudem , imaginem, você chega com suspeita de caxumba na UPA de Itanhaém em São Paulo, abre uma ficha as 13:30, médico pede exame de sangue para confirmar diagnóstico às 16:30, é uma doença contagiosa, você espera o resultado, ás 19:00 você é obrigada a fazer uma nova ficha "porque trocou o plantão" e espera até às 21:45, depois de todo mundo passar para o médico dizer que você estava com caxumba. Quando você pergunta porque de duas fichas de atendimento para a mesma consulta, a funcionária diz que " é assim". Quando o acolhimento com a enfermeira vê a suspeita de caxumba, deixa você esperando por 8 horas, pouco se importando com a saúde dos outros pacientes, que também podem pegar caxumba. Quando você reclama que esta demorando demais, e das duas fichas do mesmo paciente na mesma consulta, eles escondem o crachá e mostram o dedo. Desrespeito total a população no atendimento que recebemos da UPA.


VIA - NOTÍCIAS URGENTE







Desenvolvido por: Jonas Fahelysson