ATD Sistemas

BÁRBARO

Compartilhar:
Nesta última segunda-feira (07) policiais civis prenderam um casal acusado de matar uma mulher grávida em Aparecida de Goiânia, região metropolitana da capital. De acordo com a Polícia Militar, os indivíduos identificados como Weverson Batista de Aguiar, conhecido popularmente como “Zói” e Dejane Antunes Machado Santos Pinheiro teriam matado a vítima Patrícia da Conceição no dia 02 de junho deste ano. Segundo informações, Weverson estava irritado com a vítima por conta de comentários que ela fazia sobre a vida dele e por esse motivo banal, o acusado resolveu dar uma lição na vítima que estava grávida de 05 meses, fato esse que era de conhecimento dos assassinos. A sua companheira Dejane foi quem atraiu Patrícia para dentro da residência do casal onde prometeu a ela que iriam consumir drogas ali juntas. Ainda segundo informações, quando a vítima estava sentada no sofá da sala o acusado a surpreendeu com vários golpes de martelo e a agrediu com vários socos e pontapés. Em seguida ele amarrou as mãos e os pés de Patrícia utilizando fios elétricos e com a ajuda de um de seus filhos de apenas 16 anos que segurou as pernas dela enquanto seu pai a asfixiava até a morte. Logo após o corpo foi enrolado em uma capa de sofá, colocado em um carrinho de supermercado e foi transportado pelo outro de filho de 12 anos até um matagal onde o cadáver foi queimado. Veja no vídeo abaixo o corpo que foi encontrado pelos policiais e encaminhado ao IML e a confissão do acusado que ainda é suspeito de um outro assassinato na região com as mesmas características.


PLANTÃO POLICIAL











Desenvolvido por: Jonas Fahelysson